As últimas da dupla Grenal

Novo jogo, mesmo time. O técnico Celso Roth manterá, no segundo compromisso colorado na Libertadores, a escalação da estreia. O sistema de três volantes, usado no empate por 1 a 1 com o Emelec, será repetido contra o Jaguares, às 21h50m de quarta-feira, no Beira-Rio. Wilson Matias e Bolatti atuarão juntos, permitindo mais liberdade para Guiñazu auxiliar os criadores.

Neste domingo, em treinamento no gramado suplementar do Beira-Rio, Celso Roth alinhou os 11 titulares. Formou o time com Lauro, Nei, Índio, Sorondo e Kleber; Wilson Matias, Bolatti, Guiñazu e D’Alessandro; Zé Roberto e Leandro Damião. A repetição do time era uma tendência desde minutos depois do jogo no Equador.


Tarde de domingo, sol firme no céu, vento agradável para amenizar a temperatura: belo dia para passear, como o Grêmio fez ao golear o Ypiranga por 5 a 0 no Olímpico e avançar às semifinais do primeiro turno do Campeonato Gaúcho. Fácil, fácil, sem estresse, com esforço controlado, o Tricolor passou por cima do adversário. Fez cinco e poderia ter feito outros tantos. A jornada quase recreativa da equipe de Renato Gaúcho teve André Lima como maior expoente.

Ele foi a campo com o número 99 em sua camisa. E disse que pretende transformar o símbolo em uma marca de seu apelido, “guerreiro imortal”. O jogador marcou os dois primeiros gols do Grêmio. Os demais foram anotados por Douglas, ainda no primeiro tempo, mais Borges e o garoto Leandro, de apenas 17 anos, já na etapa final.

O resultado classificou o Grêmio para duelar com o Cruzeiro-Poa, algoz do Inter, no próximo domingo, no Olímpico. Antes, o time gaúcho vai à Colômbia para duelar com o Junior de Barranquilla, na quinta-feira, pela Libertadores.

Do Globo Esporte.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Você sabe tudo sobre filmes de comédia?

Gabarito extraoficial do concurso da Brigada Militar RS 2012, prova aplicada no último domingo(11/03)

Chocolates direto de Gramado RS em São Francisco de Assis